Medicamento Sujeito a Receita Médica

Folheto informativo: Informação para o utilizador

Tedol 20 mg/g creme
Tedol 20 mg/ml líquido cutâneo
Cetoconazol

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois contém informação importante para si.
– Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.
– Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
– Este medicamento foi receitado apenas para si. Não deve dá-lo a outros. O medicamento pode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sinais de doença.
– Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Ver secção 4.

O que contém este folheto:
1.O que é Tedol e para que é utilizado
2.O que precisa de saber antes de utilizar Tedol
3.Como utilizar Tedol
4.Efeitos secundários possíveis
5.Como conservar Tedol
6.Conteúdo da embalagem e outras informações

1.O que é Tedol e para que é utilizado

Tedol é um medicamento utilizado na prevenção e tratamento de infeções da pele, causadas por fungos e leveduras.

Tedol é frequentemente utilizado nas seguintes situações:
– Caspa (películas no couro cabeludo);
– Dermatite seborreica (situação de manchas castanhas e avermelhadas, com descamação branca ou amarelada, geralmente na face ou no peito);
– Dermatite da fralda quando a sua origem é uma infeção por fungos (lesões avermelhadas);
– Pitiríase versicolor (geralmente caracterizada por manchas irregulares no tronco, pequenas, de cor branca ou acastanhada);
– Tinhas: do corpo, do couro cabeludo, virilhas, mãos e pés (a tinha dos pés é frequentemente conhecida por pé de atleta);
– Candidíase cutânea (lesões avermelhadas, com erupção).

Pela sua apresentação, Tedol 20 mg/ml líquido cutâneo, permite uma fácil aplicação tanto no couro cabeludo, como noutras zonas pilosas do corpo. Por este mesmo motivo, Tedol 20 mg/ml líquido cutâneo está ainda mais indicado em situações de infeções de grande extensão.

2.O que precisa de saber antes de utilizar Tedol

Não utilize Tedol
– se tem alergia (hipersensibilidade) ao cetoconazol ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6).

Advertências e precauções
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar Tedol.
Após um tratamento prolongado com corticosteroides tópicos é recomendado continuar com a aplicação dos mesmos juntamente com Tedol e diminuir progressivamente a aplicação dos esteroides tópicos (2-3 semanas), de modo a evitar um potencial efeito rebound. No caso de o doente estar a utilizar Tedol creme, é recomendado que continue com a aplicação de um corticosteroide tópico moderado de manhã e a aplicação de Tedol creme à noite.
Quando se utiliza Tedol creme imediatamente após tratamento prolongado com corticosteroides tópicos pode surgir irritação.

Outros medicamentos e Tedol
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a utilizar, ou tiver utilizado recentemente, ou se vier a utilizar outros medicamentos.

Gravidez e amamentação
Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar este medicamento.
Não existem estudos adequados e bem controlados em mulheres grávidas ou a amamentar. Não existem riscos conhecidos associados ao uso de cetoconazol creme a 2% na gravidez e na amamentação.
À semelhança de todos os medicamentos utilizados durante a gravidez ou amamentação, Tedol só deve ser aplicado se absolutamente necessário.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não aplicável.

Tedol creme contém álcool cetílico, para-hidroxibenzoato de metilo sódico e para-hidroxibenzoato de propilo sódico

O álcool cetílico pode causar reações cutâneas locais (por exemplo dermatite de contacto). O para-hidroxibenzoato de metilo sódico e o para-hidroxibenzoato de propilo sódico podem causar reações alérgicas (possivelmente retardadas).

Tedol líquido cutâneo contém propilenoglicol

Pode causar irritação cutânea.

3.Como utilizar Tedol

Utilize este medicamento exatamente como indicado pelo seu médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

A dose recomendada é, para as seguintes situações, a abaixo indicada:
– Tedol líquido cutâneo deve ser aplicado nas zonas afetadas e circundantes, uma a duas vezes por dia nas situações de: candidíase cutânea, dermatite da fralda originada por fungos, tinhas do corpo, das virilhas, das mãos, dos pés e pitiríase versicolor. No caso do Tedol creme, é recomendada a sua aplicação uma vez por dia.
– Em situações de dermatite seborreica deve aplicar-se Tedol na zona afetada, uma a duas vezes por dia dependendo da gravidade da infeção.
– Na prevenção da dermatite seborreica, Tedol deve ser aplicado uma ou duas vezes por semana.

A duração habitual do tratamento com Tedol líquido cutâneo é:
– Tinha do corpo e das virilhas – 2 semanas;
– Tinha dos pés (pé de atleta) – 6 semanas;
– Candidíases cutâneas – 2 semanas;
– Pitiríase versicolor – 2 semanas;
– Dermatite seborreica – 4 semanas.

A duração habitual do tratamento com Tedol creme é:
– Tinea corporis – 3 a 4 semanas;
– Tinea cruris – 2 a 4 semanas;
– Tinea pedis – 4 a 6 semanas;
– Infeções por leveduras – 2 a 3 semanas;
– Tinea versicolor – 2 a 3 semanas;
– Dermatite seborreica – 2 a 4 semanas.

O tratamento com Tedol deve ser prolongado por mais alguns dias após o desaparecimento de todos os sintomas.
Geralmente são verificados sinais claros de melhoria entre a primeira e a quarta semana de tratamento. Se não verificar melhoria, deve consultar o seu médico.
Deve ainda ter em atenção que a higiene pessoal é fundamental para evitar infetar outras pessoas ou mesmo outras zonas do seu corpo.

Utilização em crianças
Tedol não é recomendado em crianças com idade inferior a 2 anos.

Se utilizar mais Tedol do que deveria
A ingestão acidental de grandes quantidades de Tedol deve ser comunicada ao seu médico, devendo ser tomadas medidas sintomatológicas e de suporte.
A aplicação tópica excessiva de creme pode dar origem a eritema, edema e sensação de ardor que desaparecem após descontinuação do tratamento.

Caso se tenha esquecido de utilizar Tedol
Não utilize uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de utilizar.

Se parar de utilizar Tedol
Não pare de utilizar antes de terminar a duração do tratamento imposta pelo médico, mesmo que já se sinta melhor.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4.Efeitos secundários possíveis

Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Tedol líquido cutâneo
Embora muito raramente, podem ocorrer reações alérgicas locais, caracterizadas por sensação de queimadura, comichão forte, irritação e ardor.

Tedol creme
Frequentes (afetam entre 1 a 10 pessoas em cada 100 tratadas)
– Sensação de ardor na pele;
– Eritema no local de aplicação;
– Prurido no local de aplicação.

Pouco frequentes (afetam entre 1 a 10 pessoas em cada 1000 tratadas)
– Hipersensibilidade;
– Erupção bulhosa;
– Dermatite de contacto;
– Erupção cutânea;
– Exfoliação cutânea;
– Pele pegajosa;
– Sangramento no local de aplicação;
– Desconforto no local de aplicação;
– Secura no local de aplicação;
– Inflamação do local de aplicação;
– Irritação no local de aplicação;
– Parestesia no local de aplicação;
– Reação no local de aplicação.

Frequência desconhecida (não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis)
– Urticária.

Comunicação de efeitos secundários
Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderá comunicar efeitos secundários diretamente através de INFARMED, I.P. Direção de Gestão do Risco de Medicamentos, Parque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 53, 1749-004 Lisboa; tel: +351 21 798 71 40; fax: +351 21 798 73 97, e-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt, sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepage .
Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre a segurança deste medicamento.

5. Como conservar Tedol

Conservar a temperatura inferior a 25ºC.
Conservar na embalagem de origem para proteger da luz e da humidade.

Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso no rótulo ou na embalagem exterior, após “VAL.”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Não utilize Tedol se verificar sinais visíveis de deterioração.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

6.Conteúdo da embalagem e outras informações

Qual a composição de Tedol

Tedol 20 mg/g creme
– A substância ativa é o cetoconazol. Um grama de creme contém 20 mg de cetoconazol.
– Os outros componentes são: álcool cetílico, monoestearato de glicerilo, ceteareth-20, octildodecanol, para-hidroxibenzoato de metilo sódico, para-hidroxibenzoato de propilo sódico e água purificada.

Tedol 20 mg/ml líquido cutâneo
– A substância ativa é o cetoconazol. Um mililitro de líquido cutâneo contém 20 mg de cetoconazol.
– Os outros componentes são: propilenoglicol (E1520), álcool isopropílico, etanol, ácido clorídrico e água altamente purificada.

Qual o aspecto de Tedol e conteúdo da embalagem

Tedol 20 mg/g creme: bisnaga com 30 g de creme.
Tedol 20 mg/ml líquido cutâneo: frasco com 100 ml de líquido cutâneo.

Por vezes o líquido cutâneo adquire uma coloração vermelha sem que haja alteração do medicamento.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Laboratório Edol – Produtos Farmacêuticos S.A.
Av. 25 de Abril, 6 – 6A
2795-225 Linda-a-Velha
Portugal
Tel +351 21 415 81 30
Fax +351 21 415 81 31
e-mail: geral@edol.pt

Este folheto foi revisto pela última vez em junho de 2015