Medicamento Sujeito a Receita Médica

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Lidina® 0,125 mg/0,5 ml, colírio, solução
Cetotifeno

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento, pois contém informação importante para si.
Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo com as indicações do seu médico ou farmacêutico.
– Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.
Caso precise de esclarecimentos ou conselhos, consulte o seu farmacêutico.
– Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Ver secção 4.
– Se não se sentir melhor ou se piorar após 7 dias, tem de consultar um médico.

O que contém este folheto:
1. O que é Lidina e para que é utilizado
2. O que precisa de saber antes de utilizar Lidina
3. Como utilizar Lidina
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Lidina
6. Conteúdo da embalagem e outras informações

1. O que é Lidina e para que é utilizado
Lidina colírio, solução é um medicamento sem conservantes, utilizado no tratamento preventivo e sintomático (alívio dos sintomas) da conjuntivite alérgica (inflamação da conjuntiva) perene (contínua, durante todo o ano), e sazonal, tais como olhos vermelhos e lacrimejantes.

A substância ativa é o cetotifeno, que é uma substância antialérgica.

Um colírio é uma forma farmacêutica em gotas para aplicação no olho.

Um recipiente unidose é uma embalagem que contém apenas a quantidade suficiente para uma única utilização.

Lidina destina-se a ser utilizado em adultos, idosos e crianças com idade igual ou superior a três anos.

Se não se sentir melhor ou se piorar após 7 dias, tem de consultar um médico.

2. O que precisa de saber antes de utilizar Lidina
Não utilize Lidina

Se tem alergia (hipersensibilidade) ao cetotifeno ou a qualquer outro componente de Lidina.

Advertências e precauções
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar Lidina.

Outros medicamentos e Lidina
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, tiver tomado recentemente, ou se vier a tomar outros medicamentos.
Isto é particularmente importante no caso de medicamentos utilizados no tratamento da:
– depressão
– alergia (ex.: anti-histamínicos)

Se necessita de utilizar outros medicamentos para aplicar nos olhos, deve esperar pelo menos 5 minutos entre a aplicação de cada medicamento.

Lidina com alimentos e bebidas
Lidina pode aumentar o efeito do álcool.

Gravidez e amamentação
Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar este medicamento.
Lidina pode ser utilizado durante o aleitamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Lidina pode causar visão turva ou sonolência. Se após a administração de Lidina sentir algum destes sintomas, não conduza nem utilize máquinas até que estes sintomas desapareçam.

3. Como utilizar Lidina
Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo com
as indicações do seu médico ou farmacêutico. Fale com o seu médico ou farmacêutico
se tiver dúvidas.

Qual a dose recomendada de Lidina?
Em adultos, idosos e crianças (com idade igual ou superior a 3 anos), a dose habitual é de
1 gota no olho afetado (ou olhos, caso o seu médico ou farmacêutico lhe tenha dito para
aplicar nos dois olhos), 2 vezes por dia (de manhã e à noite).

Um recipiente unidose contém quantidade suficiente para tratar os dois olhos na mesma utilização.

Como obter um recipiente unidose de Lidina?

lidina, como obter um recipiente unidose

Como administrar Lidina?

lidina, como administrar lidina

Se utilizar mais Lidina do que deveria
Não há perigo se ingerir acidentalmente algumas gotas de Lidina.
Da mesma forma, não se preocupe se cair mais do que uma gota no seu olho.
Se tiver dúvidas, aconselhe-se junto do seu médico ou farmacêutico.

Caso se tenha esquecido de utilizar Lidina
Aplique Lidina assim que se lembrar. A dose seguinte deverá ser aplicada no horário habitual.
Não aplique uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de utilizar.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4. Efeitos secundários possíveis
Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Efeitos secundários frequentes (afectando menos de 1 em cada 10 doentes):
– irritação no olho;
– queratite punctata (lesão na córnea do olho).

Efeitos secundários pouco frequentes (afectando menos de 1 em cada 100 doentes):
– visão turva (após aplicação);
– olho seco;
– distúrbios da pálpebra;
– conjuntivite (inflamação na conjuntiva do olho);
– dor no olho;
– aumento da sensibilidade dos olhos à luz (fotofobia);
– hemorragia visível na parte branca do olho;
– dor de cabeça;
– sonolência;
– erupção na pele (com ou sem comichão);
– eczema na pele (erupção com comichão, vermelhidão e sensação de queimadura);
– boca seca;
– reacção alérgica.

Comunicação de efeitos secundários
Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderá comunicar efeitos secundários diretamente através de
INFARMED, I.P.- Direção de Gestão do Risco de Medicamentos
Parque da Saúde de Lisboa
Av. Brasil 53, 1749-004 Lisboa
Tel: +351 21 798 73 73
Linha do Medicamento: 800222444 (gratuita)
Fax: + 351 21 798 73 97
Sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepage
e-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt.

Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre a segurança deste medicamento.

5. Como conservar Lidina
– Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.
– Não conservar acima de 25 º C.
– Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso no recipiente unidose e na embalagem após “EXP”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.
– Após abertura da embalagem intermédia (saqueta), os recipientes unidose podem ser armazenados dentro da saqueta, durante 3 meses se estiverem dentro da caixa, ou durante 28 dias se estiverem fora da caixa.
– Após a abertura do recipiente unidose, o seu conteúdo deve ser utilizado imediatamente e não deve ser guardado.
– O recipiente unidose não é estéril, mas o seu conteúdo é estéril até à sua abertura.
– Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

6. Conteúdo da embalagem e outras informações

Qual a composição de Lidina
A substância ativa é o cetotifeno (na forma de fumarato).
Cada mililitro de solução contém 0,345 mg de fumarato de cetotifeno, equivalente a 0,250 mg de cetotifeno.
Cada unidose com 0,5 ml de solução contém 0,172 mg de fumarato de cetotifeno, equivalente a 0,125 mg de cetotifeno.

Os outros componentes são: glicerol, hidróxido de sódio e água para preparações injetáveis.

Qual o aspeto de Lidina e conteúdo da embalagem
Lidina é uma solução límpida e incolor.
Cada recipiente unidose contém 0,5 ml de solução.
Lidina está disponível em embalagens contendo 10 ou 20 recipientes unidose transparentes (conjuntos de 5 unidoses), em polietileno de baixa densidade, e em embalagem hospitalar contendo 30, 50, 60 ou 120 recipientes unidose.
As unidoses estão protegidas por uma saqueta (embalagem intermédia) de alumínio.
É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante
Laboratório Edol – Produtos Farmacêuticos, S.A.
Av. 25 de Abril, nº6-6A
2795-225 Linda-a-Velha – Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em dezembro de 2016.