Medicamento Não Sujeito a Receita Médica

Folheto informativo: Informação para o utilizador

tedol®

20 mg/ml champô
Cetoconazol

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois contém informação importante para si.
Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo com as indicações do seu médico ou farmacêutico.
– Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.
– Caso precise de esclarecimentos ou conselhos, consulte o seu farmacêutico.
– Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Ver secção 4.
– Se não se sentir melhor ou se piorar, tem de consultar um médico.

O que contém este folheto:
1. O que é Tedol e para que é utilizado
2. O que precisa de saber antes de utilizar Tedol
3. Como utilizar Tedol
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Tedol
6. Conteúdo da embalagem e outras informações

Tedol1. O que é Tedol e para que é utilizado

O cetoconazol é um poderoso antifúngico derivado imidazólico, para emprego oral ou tópico.
O seu efeito antifúngico deve-se à inibição da síntese do ergosterol, constituinte fundamental da membrana micótica.
Tedol está classificado no grupo 13.1.3 Medicamentos usados em afeções cutâneas – Anti-infecciosos de aplicação na pele – Antifúngicos.

Tedol está indicado no tratamento e profilaxia de dermatite seborreica, caspa e pitiríase versicolor localizada.

2. O que precisa de saber antes de utilizar Tedol

Não utilize Tedol
Se tem alergia (hipersensibilidade) ao cetoconazol, aos fármacos do grupo imidazólico ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6).

Advertências e precauções
– Deve evitar-se o seu uso em crianças com idade inferior a 2 anos.
– Deve evitar-se o contacto do champô com os olhos, e em caso de contacto lavar abundantemente com água.
– Após um tratamento prolongado com corticosteroides tópicos é recomendado continuar com a aplicação dos mesmos juntamente com Tedol e diminuir progressivamente a aplicação dos esteroides tópicos (2-3 semanas), de modo a evitar um potencial efeito rebound.

Crianças
Deve evitar-se o seu uso em crianças com idade inferior a 2 anos.

Outros medicamentos e Tedol
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a utilizar, ou tiver utilizado recentemente, ou se vier a utilizar outros medicamentos.

Gravidez e amamentação
Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar este medicamento.
Não existem estudos adequados e bem controlados em mulheres grávidas ou a amamentar.
Não existem riscos conhecidos associados ao uso de cetoconazol champô a 2% na gravidez e amamentação. Tedol apenas deverá ser utilizado durante a gravidez se os potenciais benefícios justificarem os possíveis riscos para o feto. Tedol deverá ser usado com precaução durante o período de amamentação, uma vez que se desconhece se o cetoconazol se distribui no leite humano após a aplicação tópica.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não aplicável.

3. Como utilizar Tedol

Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo com as indicações do seu médico ou farmacêutico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Tratamento
– Pitiríase versicolor:
Utilizar Tedol uma vez por dia durante 5 dias. Devem lavar-se as zonas afetadas da pele com Tedol, deixar atuar durante 5 minutos e enxaguar. Se a situação não melhorar dentro de duas semanas, o tratamento deve ser reavaliado.

– Dermatite seborreica e caspa:
Utilizar Tedol duas vezes por semana, durante 2 – 4 semanas. Caso não se verifique melhoria clínica após 4 semanas, o diagnóstico deve ser reavaliado.

Profilaxia
– Pitiríase versicolor:
Utilizar uma vez por dia durante 3 dias, num único tratamento.

– Dermatite seborreica e caspa:
Utilizar uma vez por semana.

Utilização em crianças e idosos
Não existem estudos sobre a utilização deste produto em crianças e idosos, pelo que não existe informação específica sobre a sua utilização nestes grupos etários.

Se utilizar mais Tedol do que deveria
Não têm sido descritos fenómenos de sobredosagem com o cetoconazol.
Na eventualidade de uma ingestão acidental, deverão ser tomadas medidas sintomatológicas e de suporte. De modo a evitar aspiração, não se deve proceder à emese nem à lavagem gástrica.

Caso se tenha esquecido de utilizar Tedol
Não utilize uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de utilizar.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4. Efeitos secundários possíveis
Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Pouco frequentes (afetam entre 1 a 10 pessoas em cada 1000 tratadas)
– Foliculite;
– Aumento da secreção lacrimal;
– Alopecia;
– Pele seca (xerose cutânea);
– Alteração da textura do cabelo (textura capilar anormal);
– Erupção cutânea;
– Sensação de ardor na pele;
– Eritema no local de aplicação;
– Irritação no local de aplicação;
– Prurido no local de aplicação;
– Reação no local de aplicação.

Raros (afetam entre 1 a 10 pessoas em cada 10.000 tratadas)
– Hipersensibilidade;
– Disgeusia;
– Irritação ocular;
– Acne;
– Dermatite de contacto;
– Anomalia da pele;
– Esfoliação cutânea;
– Cabelo seco ou oleoso;
– Hipersensibilidade no local de aplicação;
– Pústulas no local de aplicação.

Frequência desconhecida (não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis)
– Angioedema;
– Urticária;
– Alteração da cor do cabelo.

A dermatite seborreica e a caspa estão muitas vezes associadas com o aumento da queda de cabelo, isto foi também descrito, embora raramente, com o uso de champôs de cetoconazol a 2%.

Comunicação de efeitos secundários
Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderá comunicar efeitos secundários diretamente através de INFARMED, I.P. Direção de Gestão do Risco de Medicamentos, Parque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 53, 1749-004 Lisboa; tel: +351 21 798 71 40; fax: +351 21 798 73 97, e-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt; sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepage.
Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre a segurança deste medicamento.

5. Como conservar Tedol
– Não conservar acima de 25ºC.
– Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.
– Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso no rótulo e na embalagem exterior após “VAL.”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.
– Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

6. Conteúdo da embalagem e outras informações

Qual a composição de Tedol
– A substância ativa é o cetoconazol a 20 mg/ml.
– Os outros componentes são: lauril éter sulfato de sódio, coco betaína, cocopoliamida PEG-15, ácido clorídrico concentrado, corante laranja dourado E-110 e água purificada.

Qual o aspeto de Tedol e conteúdo da embalagem
Tedol apresenta-se em frascos de 120 ml e 200 ml.
Por vezes o champô adquire uma coloração vermelha, sem que haja alteração do cetoconazol.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante
Laboratório Edol – Produtos Farmacêuticos, S.A.
Av. 25 de Abril, 6-6A
2795-225 Linda-a-Velha
Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em junho de 2015.